Anguttara Nikaya VIII.118-627

Ragapeyyalam Sutta

Repeties

Somente para distribuio gratuita.
Este trabalho pode ser impresso para distribuio gratuita.
Este trabalho pode ser re-formatado e distribudo para uso em computadores e redes de computadores
contanto que nenhum custo seja cobrado pela distribuio ou uso.
De outra forma todos os direitos esto reservados.

 


(118) "Bhikkhus, para o conhecimento direto da cobia, oito coisas devem ser desenvolvidas. Quais oito? Entendimento correto, pensamento correto, linguagem correta, ao correta, modo de vida correto, esforo correto, ateno plena correta, concentrao correta. Para o conhecimento direto da cobia, essas oito coisas devem ser desenvolvidas."

(119) "Bhikkhus, para o conhecimento direto da cobia, oito coisas devem ser desenvolvidas. Quais oito? (1) Percebendo a forma no interior, ele v a forma no exterior, limitada, bonita e feia; ao transcend-la, ele percebe assim: Eu sei, eu vejo. (2) Percebendo a forma no interior, ele v a forma no exterior, imensurvel, bonita e feia; ao transcend-la, ele percebe assim: Eu sei, eu vejo. Essa a segunda base para a transcendncia. (3) No percebendo a forma no interior, ele v a forma no exterior, limitada, bonita e feia; ao transcend-la, ele percebe assim: Eu sei, eu vejo. (4) No percebendo a forma no interior, ele v a forma no exterior, imensurvel, bonita e feia; ao transcend-la, ele percebe assim: Eu sei, eu vejo. (5) No percebendo a forma no interior, ele v a forma no exterior, azul, de cor azul, azul na aparncia, com luminosidade azul ... (6) ... amarela, de cor amarela, amarela na aparncia, com luminosidade amarela ... (7) ... vermelha, de cor vermelha, vermelha na aparncia, com luminosidade vermelha ... (8) ... branca, de cor branca, branca na aparncia, com luminosidade branca; ao transcend-la, ele percebe assim: Eu sei, eu vejo. Para o conhecimento direto da cobia, essas oito coisas devem ser desenvolvidas."

(120) "Bhikkhus, para o conhecimento direto da cobia, oito coisas devem ser desenvolvidas. Quais oito? (1) Possuindo forma material, ele v a forma. (2) No percebendo a forma no interior, ele v a forma no exterior. (3) Ele est decidido apenas pelo belo. (4) Com a completa superao das percepes da forma, com o desaparecimento das percepes do contato sensorial, sem dar ateno s percepes da diversidade, consciente que o espao infinito, ele entra e permanece na base do espao infinito. (5) Com a completa superao da base do espao infinito, consciente de que a conscincia infinita,' ele entra e permanece na base da conscincia infinita. (6) Com a completa superao da base da conscincia infinita, consciente de que no h nada, ele entra e permanece na base do nada. (7) Com a completa superao da base do nada, ele entra e permanece na base da nem percepo, nem no percepo. (8) Com a completa superao da base da nem percepo, nem no percepo, ele entra e permanece na cessao da sensao e percepo Para o conhecimento direto da cobia, essas oito coisas devem ser desenvolvidas."

(121 - 147) "Bhikkhus, para a completa compreenso da cobia ... para a completa destruio ... para o abandono ... para a destruio ... para o desaparecimento ... para o desapego ... para a cessao .... para abrir mo ... para a renncia da cobia, essas oito coisas devem ser desenvolvidas."

(148 - 627) "Bhikkhus, para o conhecimento direto ... para a completa compreenso .... para a completa destruio ... para o abandono ... para a destruio ... para o desaparecimento ... para o desapego ... para a cessao .... para abrir mo ... para a renncia da raiva ... da deluso ... do dio ... da hostilidade ... da difamao ... da insolncia ... da inveja ... da avareza ... da enganao ... da astcia ... da teimosia .... da veemncia ... da presuno ... da arrogncia ... da embriaguez .... da negligncia, essas oito coisas devem ser desenvolvidas."

 

 

Revisado: 5 Outubro 2013

Copyright © 2000 - 2021, Acesso ao Insight - Michael Beisert: editor, Flavio Maia: designer.